segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Psicótico - Felipe Ricotta.

"Ás vezes acho que você é tão farsante quanto eu
Porque também tem medo de demonstrar sentimentos
E é paranóia tua eu, nem sou tão psicótico assim
A gente é que tem problema de comunicação verbal
E eu causo mesmo algumas impressões erradas
Mas não sou teu encosto de bar
Tenho meus motivos, para me emputecer
Por você ter ido embora
No primeiro táxi quando eu
Volto do banheiro você foi embora
Mas porra você esqueceu, que sou eu
Que tenho que te deixar
Em casa de madrugada
Quando a magia morrer... "


Nenhum comentário:

Postar um comentário